domingo, 10 de julho de 2011

O Camelódromo

Camelódromo
Há várias versões quanto à origem do Camelôdromo. É difícil determinar a data de origem. Alguns  o datam  de 1991/92, outros  de 1997. Todos concordam com o fato de o comércio informal no centro de Campos ganhou visibilidade quando na Praça São Salvador e ruas próximas –  no centro financeiro e comercial da cidade - começaram a serem vendidos produtos contrabandeados do Paraguai. Como no Rio de Janeiro, São Paulo e boa  parte das metrópoles do Sudeste  este  comércio foi motivo de queixas por parte dos comerciantes do centro.
Uma  das versões é apresentada por Freitas (2006) segundo quem a criação do camelódromo foi uma iniciativa  do Presidente da Associação Comercial de Campos dos Goytacazes (ACIC), Adailto Rangel em 1992, com o propósito de retirar o comércio informal das ruas centrais, acusado de “concorrência desleal aos demais comerciantes, que pagavam impostos e que, pela sua localização - na portas das lojas - atrapalhavam o movimento dos fregueses”.
A medida adotada pela Prefeitura Municipal pautou-se em  retirar os camelôs das ruas, criando um espaço destinado às suas atividades: o Camelódromo, também conhecido como “Shopping Popular Michel Haddad” (Freitas, 2006).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário